O perigo das mídias sociais

(Clique no player acima ☝ para o ouvir a narração do meu post! Depois fale pra mim o que achou dessa experiência).

 

Eu fico impressionado com a quantidade de pessoas que se recusa a assumir seus próprios erros e culpa a tecnologia e as mídias sociais por isso ou aquilo estar acontecendo na sua vida.

 

Cara, é desproporcional a facilidade que o digital trouxe para qualquer pessoa do mundo.

 

Não reconhecer isso por pura falta de humildade em assumir um erro seu é, no mínimo, ridículo.

Estamos vivendo uma mudança sem precedentes na história e é necessário que qualquer pessoa que esteja viva perceba que é impossível ignorar esse acontecimento.

Seu filho nasceu na Era Digital. Você precisa aceitar isso.

Hoje, vivemos numa geração de crianças e adolescentes que não conheceram o mundo sem as mídias sociais.

 

E o maior erro dos pais está em tapar os olhos para essa afirmativa. Querendo doutrinar as crianças baseados em moldes de 30, 40 anos atrás.

 

Cara, você precisa entender que a forma como você foi educado não existe mais. Estamos passando por uma época com algumas das piores estratégias parentais de todos os tempos por isso.

Eu fui criado por uma mulher sensacional, que abdicou de uma promissora carreira no mercado financeiro para se dedicar exclusivamente à minha criação.

Ela sempre me deu liberdade para seguir minhas próprias paixões e fez cada uma das minhas conquistas parecerem feitos extraordinários.

Entretanto, minha mãe sendo filha mais velha de um Coronel das Forças Armadas, aplicava comigo o rigor, a disciplina e os pés no chão típicos de uma academia militar.

 

Vivi em uma casa onde a ideia de seguir o que todas as pessoas fazem, simplesmente, não era uma possibilidade.

 

E, por isso, sei que tudo o que eu conquistei até hoje tem um percentual gigantesco dela.

Minha mãe foi – e é – foda. Tenho um orgulho absurdo da minha criação e sempre uso isso como exemplo para outros pais.

Porém…

 

Sei que a maioria das crianças não teve a mesma sorte que eu.

 

Vejo, diariamente, pais frustrados com as falhas no processo de educação dos seus filhos.

Hoje, a fórmula de educar que os nossos pais usavam não funciona mais. E os pais de hoje não conseguem entender isso.

Crescemos num ambiente onde a informação era restrita.

Onde você podia ser um “pouco mal educado” porque não era exposto a uma porrada de coisas que as crianças de hoje em dia são.

Cara, aceite que não são as mídias que estragaram o mundo. Ela só expõe as falhas de um sistema educacional ultrapassado.

As mídias, inclusive, só trouxeram coisas boas: acesso, facilidade, informação e capacidade de comunicação.

 

É fascinante os pais que já perceberam isso a um bom tempo e estão aí formando seres humanos fora de série.

 

Porra…

GIF as crianças sempre foram

Quando elas não tinham a internet, elas tinham os vídeo games, brinquedos, ou qualquer outra coisa que as deixassem imersas e completamente “fora” do mundo.

Elas nasceram com a tecnologia na mão, assim como nascemos com os brinquedos.

Você não precisa nem se esforçar muito pra entender o que eu estou falando. Dá um celular na mão de uma criança de 2, 3 anos e veja o que ela faz.

Eu sei que você já sabe, mas testa mais uma vez.

 

Tira dos seus olhos essa lente do passado.

 

Sei que pode parecer estranho, mas romantizar essa transição é a maior perda de tempo que você terá.

Entenda de uma vez por todas…

 

Não é você que determina isso. Ela já está acontecendo.

 

Julgar o hoje baseado no passado é ridículo. Não foi só porque você cresceu naquela época que ela é a certa e tudo o que veio depois dela está errado.

A gente cresce aprendendo o que é certo e errado aí, quando tudo ao nosso redor muda, a gente tem essas visões deturpadas entre esses dois pontos, mas acredite…

 

Não tem certo ou errado. É diferente, apenas isso.

 

A mídia não é culpada por todos os problemas da sociedade.

Quando você coloca na balança os pontos bons e ruins do digital, qual prevalece?

Você sabe exatamente qual é a minha resposta e eu espero saber a sua.

Porra, isso é incontestável.

A internet facilitou a vida de todo mundo. Diminui distâncias. Dá oportunidades. E, pra quem sabe aproveitar ao máximo, proporciona oportunidades inimagináveis.

Agora, se você me diz que a internet pode ser ruim pra alguém, eu vou te dizer que esse é só mais um script mimimi dentre todos os outros que eu ouço dia após dia da boca de quem fala muito e não faz nada pra sair da inércia.

 

Não seja esse tipo de pessoa.

 

Assim como entender que as mídias sociais oferecem às crianças apenas uma nova plataforma para representar os comportamentos imaturos que todos nós tivemos, você precisa aceitar que qualquer desvio na educação do seu filho é reflexo de algum desvio seu.

Existe um rótulo injusto cercando as novas tecnologias quando, na verdade, isso não é culpa de ninguém.

Os humanos são suscetíveis a erros e todo mundo faz coisas estúpidas o tempo todo.

principalmente quando se é criança

Não sou nenhum guru nesse tema e nem preciso ser pra te afirmar isso.

Qualquer pessoa é capaz de perceber que culpar as mídias sociais nessa transição entre o passado e o futuro é mais uma desculpinha barata.

 

Talvez você só esteja querendo tirar a sua responsabilidade pelo que acontece.

 

Estamos passando por uma migração. Anos atrás saímos dos trabalhos manuais para o processuais. Seguimos os processuais e acrescentamos os analíticos.

Agora, estamos indo para um período ainda mais analítico, mais tecnológico e mais criativo.

Isso traduz nossos hobbies, nosso gosto por esportes, nossa comunicação.

Em suma…

 

As mídias sociais não são o problema. O problema está em quem não aceita tudo de bom que ela trouxe para as nossas vidas e ainda falha em reconhecer que tecnologia nenhuma muda quem nós somos, apenas expõe e/ou potencializa comportamentos que já eram naturalmente humanos.

 

  • Muito obrigado por ler! Eu acho fantástico que você tenha se importado o suficiente pra investir o seu tempo aqui.
  • Se alguma coisa neste artigo ressoou contigo, ou se você acha que alguém que conhece vai se beneficiar destas palavras, envie pra ele ou compartilhe com seus amigos. Isso significaria muito pra mim, de verdade.
  • Além disso, se você tiver interesse em acompanhar insights e dicas exclusivas sobre empreendedorismo não deixe de me seguir no IGTV, Instagram e no Facebook. Você vai poder espiar o dia a dia de alguém que está na jornada de construir suas empresas e ser melhor a cada dia.
  • Também tenho um programa de perguntas e respostas no YouTube e um Vlog no qual você pode acompanhar minha rotina de empreendedor e de triatleta apaixonado.
  • Vamo que vamo!