O ano não acabou e você precisa começar agora

Eu sou fascinado em observar como as coisas evoluem.

Seja enquanto as transformações estão acontecendo ou quando elas terminam de acontecer, notar o movimento de evolução de algo que eu investi esforço, tempo e dinheiro é uma das sensações que eu mais gosto de ter.

O que eu observo também é uma certa contradição: ao mesmo tempo em que as pessoas não têm paciência para esperar as transformações começarem a acontecer, elas se tornam inertes. 

E isso faz com que elas nunca deem o primeiro passo. Passam a viver sempre à espera do momento certo, do mês certo, do semestre certo. 

E o que eu te digo é: se você não se movimentar a sua ideia nunca vai deixar de ser só uma ideia. 

Use a dúvida a seu favor

Recentemente eu tive uma reunião com um dos sócios de um segundo negócio que eu possuo, a LinceRadio. 

Mesmo eu não estando mais na equipe executiva da empresa, nós debatemos nessa reunião diversos projetos que estamos desenvolvendo em termos de estratégias e de visão para a companhia. 

E foi nesse momento que eu tive o insight que motivou esse post: mesmo com todas as dúvidas, hoje em dia eu consigo olhar para tudo que existe dentro dos meus negócios e pensar sobre quando elas eram só ideias. 

E eu me lembro de parar, em diversos momentos, e me encher de perguntas. “Será que eu devo fazer isso mesmo?”, “quais são os riscos?”, “vale a pena correr esses riscos?”, “como vai ser em termos de competição no mercado?”, “vale a pena a locação de tempo?”. 

As dúvidas eram infinitas. E todas elas somadas a um medo imenso de começar. 

Mas então, passado esse primeiro momento de questionamentos, o que eu fiz foi me apropriar de todos eles e transformá-los no impulso que faltava para eu dar o primeiro passo.

Eu também me lembro de quando, há aproximadamente dois anos atrás, eu divulguei uma das primeiras vagas para a Avellar Media – uma vaga de fotógrafo – porque eu já sentia a necessidade de começar a produzir conteúdo para a internet.

E hoje em dia, dois anos depois, esse mesmo fotógrafo que eu contratei se tornou o produtor da minha agência, produzindo conteúdo e construindo campanhas para clientes e empresas gigantes.

Nessa época, todos os meus poucos funcionários também se enchiam de dúvidas quando eu falava que a Avellar Media iria se tornar uma agência reconhecida. E isso foi mais um grande motivador. 

E eu gosto muito de reviver esse momento de dúvidas e lembrar de que, ali, tudo era só uma idealização e que, graças aos meus questionamentos, eu posso ver, hoje, eles se materializando como uma Avellar Media com mais de cinquenta funcionários fechando contrato com empresas gigantescas.

O melhor momento é o agora

Eu imagino que muitos de vocês estão sentados agora, lendo esse artigo, imaginando que o ano já acabou e que talvez seja mesmo melhor deixar os projetos para o ano que vem.

Eu te garanto uma coisa: quando o ano virar você vai inventar algum tipo de discurso para justificar que é melhor iniciar esses projetos só no próximo semestre. E quando o próximo semestre chegar, você vai falar que pensou melhor e que o jeito vai ser esperar para iniciá-los só em 2021.

É esse o tipo de padrão é o que faz as pessoas nunca começarem a perseguir os sonhos que elas possuem. 

Posso falar por experiência própria que eu também hesitei e também tive muita vontade de postergar, mas eu também não tive medo de me arriscar quando percebi que ficar parado não iria me levar para lugar nenhum.

Nós estamos no finalzinho de setembro. São menos de três meses para o ano acabar. E existe uma quantidade absurda de coisas que podem ser realizadas nesse tempo.

Seja uma nova meta que você precisa bater, seja um projeto que você queira começar: apenas dê o primeiro passo.

E esse passo pode ser um passo pequeno. A maioria das pessoas não começa porque já pensa em todas as fatias do bolo. 

E não é assim. Os empreendedores precisam entender que está tudo bem começar cortando uma fatia pequena.  

Veja, o Mark Zukenberg nunca “abriu o Facebook”. Tudo que ele queria, a princípio, era construir uma plataforma em que apenas as pessoas da sua universidade pudessem se conectar.

Eu nunca quis abrir a Avellar Media no seu formato inicial. Lá atrás, a minha ideia era totalmente diferente, e foi só recentemente que ela evoluiu para o que ela é.

Então a melhor dica que eu posso te dar é para você esquecer do tempo futuro por um instante e perceber que o melhor momento para você dar o primeiro passo é agora.

Conclusão

Ter muitos questionamentos e se encher de dúvidas é muito natural dentro do mundo dos negócios, mas eles não podem ser o fator determinante que irá te impedir de agir.

É impossível reagir ao mercado e começar a crescer dentro do seu projeto se você não dá o primeiro passo, seja o “primeiro passo” uma primeira ligação, um primeiro site, uma primeira peça de conteúdo ou um primeiro contrato milionário que você assina.

Faltando 10 ou 1 mês para o ano acabar, muita coisa ainda pode ser vivida, muita ideia ainda pode ser executada e muitos negócios podem ser transformados.

E eu te garanto que o seu eu de daqui dois anos vai agradecer imensamente por você ter começado hoje.

————

Quer saber mais sobre como os executivos de marketing das principais empresas do país pensam? Conheça o The CMO Playbook, o podcast da Avellar Media!