A hype do digital já passou, esse é o agora

Diariamente eu recebo mensagens de pessoas me dizendo que as suas estratégias digitais não estão funcionando mais. 

A primeira coisa que eu pergunto é: você está executando táticas de acordo com o contexto atual ou no hype de 9, 10 anos atrás?

E posso falar com total tranquilidade que a maioria das pessoas me responde a segunda opção. 

Porque ainda estarmos fazendo as mesmas coisas que fazíamos em 2009 (no digital) é uma grande incógnita pra mim.

O motivo é simples: o playbook mudou completamente. 

A fórmula de bolo não é mais a mesma (se é que existe uma). Na verdade, a fórmula que existiu de 2008 até 2015, nem existe mais.

Então não me surpreende ouvir que as estratégias digitais não estão mais dando certo. 

É óbvio que não vão dar. Eu acharia um absurdo muito maior se me dissessem o contrário.

As chaves viraram, o playbook mudou, e as pessoas precisam ter noção disso para que os resultados, dentro das suas empresas, comecem a mudar.

Mas como isso funciona na prática?

Volume de busca não importa mais 

Se você estiver pensando em SEO em 2019 com a mesma cabeça de 2009, você vai perder. 

A maioria dos profissionais de marketing pesquisa palavras-chave levando em conta o volume de busca. 

Pode esquecer isso. 

De dois anos pra cá, o volume de pesquisa com 0 cliques cresceu 30%.

Não foi fornecido texto alternativo para esta imagem

Ou seja, um grande percentual dos resultados que aparecem nas pesquisas que as pessoas fazem não resulta em nenhum clique. 

E isso tem dois porquês.

Google quer cliques

O Google, hoje, já soluciona a maioria das pesquisas com informação própria. 

O cenário atual é o que o Google, cada vez mais, resolve as suas perguntas sem que você tenha que clicar em absolutamente nenhum site.

Não foi fornecido texto alternativo para esta imagem

Ou seja, quando se foca só em volume de busca, você sempre vai perder para o Google.

ROI decrescente

Eu comecei a fazer Ads no Facebook em 2014. Em 5 anos, eu vi o preço das campanhas aumentarem dez vezes. DEZ VEZES.

Não foi fornecido texto alternativo para esta imagem

Então, isso basicamente significa que o ROI de campanhas de mídia paga das empresas que não têm uma marca forte é, sem dúvida nenhuma, horrível em 2019.

Todas as vezes que estou discutindo esse assunto, eu afirmo que se a empresa que faz qualquer campanha de mídia programática dentro de uma plataforma não estiver no top of mind das pessoas, o ROI dessa campanha vai continuar sendo horrível.

Logo, o foco precisa ser CTR e Volume de Clique

Se você tem a maior parte das suas pesquisas sendo respondidas pelo próprio Google e o tráfego das palavras sem cliques aumentando cada vez mais, você tem que mudar a sua estratégia de SEO agora.

A dica é muito simples: em vez de volume de busca, foque na taxa de cliques que a palavra-chave recebe. Quando a intenção de busca é clara, o CTR é maior.

E quando as pessoas sabem exatamente o quê buscar, interagem muito mais com o conteúdo que responde essa dúvida/dor.

Conteúdo “bom” não é suficiente

Pense comigo: estamos em um cenário onde rankear para as palavras de alto volume de busca já não é suficiente.

Além disso, nesse mesmo cenário, produzir um bom conteúdo também já não é suficiente porque ele já não está sendo indexado nas plataformas sociais. 

Há alguns anos, compartilhamentos nas redes sociais e postagem em grupos do Facebook, eram estratégias excelentes de promoção de conteúdo.

Isso não funciona mais. 

As plataformas, hoje, querem uma coisa: retenção de usuários. 

E eu continuo vendo os profissionais de marketing brigando para tentar levar sua audiência para fora das plataformas através de links externos (seja pra um post ou para o seu site). 

Só que eles esquecem do mais importante: o algoritmo.

A maioria das pessoas continua ignorando a forma como os algoritmos funcionam.

Eu sou obcecado em fazer as pessoas entenderem que a melhor estratégia em 2019 é mesclar de uma maneira muito mais inteligente os posts nativos à sua estratégia digital.

É indispensável entender como cada plataforma funciona, e criar estratégias que tiram o máximo de cada uma delas.

É aí que as empresas conseguem maximizar os resultados: entendendo o algoritmo.

Invista 10x mais tempo em Branding

Se tem uma coisa que eu falo sempre é que branding é a maior oportunidade que existe hoje em dia.

Construção e gestão de marca é o que vai diferenciar as empresas de sucesso.

Todo mundo gasta uma boa parte do seu tempo em alguma plataforma social. É um fato.

Logo, qual a coisa mais óbvia a se fazer? Direcionar o marketing para onde as pessoas já estão. 

As empresas têm que estar no top of mind dos prospects.

O modo como as pessoas formam opinião em 2019 (e vão continuar formando nos próximos anos) é por meio das plataformas onde elas consomem conteúdos todos os dias.

Ou seja, quando ela estiver interessada por algum tema, ela vai buscar informação dentro dessas plataformas que já possuem valor para ela. 

Ela não vai perder tempo fazendo pesquisas no Google.

Então como as empresas podem vencer esse cenário?

Conseguindo se posicionar no top of mind com conteúdos dentro das plataformas que elas já acessam e que dominam a atenção delas.

Ou seja, a maneira para vencer esse terceiro cenário é colocando marca antes de tudo.

O meu objetivo na agência é que o termo “Avellar Media” seja muito mais pesquisado do que “estratégias digitais” ou “campanhas publicitárias” ou “marketing de rede social.” 

Branded search também deveria ser o seu foco.

Relacionamento 1×1 é a base de tudo

Com a maturidade digital a comunicação não existe mais de forma unilateral.

Algumas poucas empresas já entenderam isso e as demais precisam compreender de uma vez por todas: você não precisa investir mais em automação do atendimento, mas na humanização dele.

As pessoas exigem que as marcas se comuniquem com uma abordagem one-o-one, seja nas redes sociais ou em qualquer outra plataforma.

Pode ter certeza de uma coisa: se a sua marca entra nos debates sobre os temas que ela domina, interage com as pessoas, respondendo e puxando assunto, ela vai ter um retorno positivo desproporcional.

Muito mais do que uma interação, você vai construir relacionamento

E essa é a grande e última virada de chave que toda e qualquer empresa precisa colocar em prática agora.

Ou seja….

Você pode transformar as estratégias da sua empresa em 4 passos simples:

  • Mudando a sua estratégia de SEO de volume de pesquisa para volume de clique;
  • Criando conteúdo nativo;
  • Focando em construção e gestão de marca;
  • Investindo em relacionamento.

E aí, sua empresa está pronta para colocar em prática as estratégias que têm mudado fundamentalmente os negócios no século XXI? Me conte nos comentários!